Angrense Iniciados

by Roaf

Made in Açores

O jogo que opôs o Angrense ao Lusitânia, no passado sábado, referente à quinta jornada do campeonato da série Açores da III divisão, foi a demonstração daquilo que se pretendia para a prova que já leva quinze anos de vida, ou seja, a promoção e valorização do jogador açoriano.

No velhinho Municipal de Angra do Heroísmo defrontaram-se duas equipas da cidade Património Mundial e jus fizeram à série Açores, apresentando em campo 36 atletas naturais do arquipélago, 35 deles da ilha Terceira. Melhor propaganda ao produto insular é impossível.

Somente o médio Chico, natural da ilha de São Jorge, mas também ele tão açoriano quanto os restantes, destoou da origem de quase todos os jogadores em campo, embora se insira nos naturais do grupo Central. Ver em campo duas equipas fiéis – pelo menos por agora – aos atletas da casa só dignifica a prova e demonstra que com trabalho de base e paciência é possível obter resultados.

Ver em campo duas equipas compostas apenas por jogadores dos Açores realça a condição essencial de um derby, este sim de qualidade genuína, sem interferências exteriores e com um passado no futebol regional que fala por si e transporta para o presente a real definição daquilo que é um clássico entre emblemas açorianos.
 

Fonte aqui

Resultados de Fim-de-Semana

Iniciou esta tarde o Campeonato de Futebol da Ilha Terceira em Seniores, com o Marítimos e o Vilanovense a vencerem o Lajense e o Boavista por 3-1 e 1-0 respectivamente.

No outro encontro da jornada o Belém não foi além de um empate a 1 golo na recepção ao Fontinhas.

No Campeonato de Futebol da Ilha Terceira em Juniores A destaque para a goleada do Angrense ao "Os  Leões" por 7-0, na primeira jornada desta prova.

Também na primeira jornada do Campeonato de Futebol da Ilha Terceira em Juniores C, o destaque vai outra vez para o Angrense que aplicou 15 golos sem resposta, novamente ao "Os  Leões".

Na jornada inaugural do Campeonato de Futebol da Ilha Terceira em Juniores D, reparo para as "chapas" 9 do Fontinhas e do Angrense.

Resultados do futebol de todos os escalões na Ilha Terceira, neste fim de semana:

 

CAMPEONATO DA ILHA TERCEIRA   -   SENIORES

11/10/2009   -   1ª Jornada

BELÉM - FONTINHAS                 1-1

MARITIMOS - LAJENSE             3-1

VILANOVENSE - BOAVISTA      1-0

Classificação: Marítimos e Vilanovense 3 pontos; Belém e Fontinhas 1 ponto; Boavista e Lajense 0 pontos.

 

CAMPEONATO DA ILHA TERCEIRA   -   JUNIORES A

10/10/2009   -   1º Jornada

LUSITÂNIA - LAJENSE        2-3

BOAVISTA - PRAIENSE      2-4

ANGRENSE -OS LEÕES    7-0

Classificação: Angrense, Praiense e Lajense 3 Pontos; Lusitânia, Boavista e Os Leões 0 Pontos.

 

TORNEIO ABERTURA ILHA TERCEIRA   -   JUNIORES B

2ª FASE - 10/10/2009

LAJENSE  - VIOLANOVENSE     1-0

PRAIENSE - FONTINHAS           1-4

2ª FASE - 11/10/2009

ANGRENSE - LUSITANIA           0-1

CAMPEONATO DA ILHA TERCEIRA   -   JUNIORES C

11/10/09   -   1ª Jornada

OS LEÕES-ANGRENSE               0-15

BARREIRO - AC. BISCOITOS      0-0

LAJENSE- FONTINHAS                0-0

LUSITANIA - PRAIENSE              1-2

Classificação: Angrense e Praiense 3 pontos; Ac. Biscoitos, Barreiro, Fontinhas e Lajense 1 ponto; Lusitânia e Os Leões 0 pontos.

 

CAMPEONATO DA ILHA TERCEIRA   -   JUNIORES D

10/10/09  -   1ª Jornada

OS LEÕES - FONTINHAS                  1-9

BOAVISTA - ANGRENSE "A"             2-9

LUSITANIA "A" - AC. BISCOITOS    

ANGRENSE "B" - PRAIENSE            3-1

VILANOVENSE - LAJENSE              2-3

ALTARES - LUSITANIA "B"

Classificação: Fontinhas, Angrense “A”, Angrense “B” e Lajense 3 pontos; Vilanovense, Praiense, Boavista e Os Leões 0 pontos. Lusitânia “A” Lusitânia “B” Ac. Biscoitos Altares

 

TORNEIO ABERTURA ILHA TERCEIRA - JUNIORES E

11/10/09 

OS LEÕES - LAJENSE "A"            5-2

ANGRENSE "B" - PRAIENSE        2-2

BARREIRO - MARITIMOS           6-1

 LUSITANIA - ANGRENSE "A"      0-9

VILANOVENSE - FONTINHAS      2-6

LAJENSE "B" - BOAVISTA           3-4

 By Gazeta3

Angrense 0 - Veredas 2

Realizou-se esta tarde no Municipal de Angra do Heroísmo o apetecido derbi da cidade Património Mundial, com um Lusitânia muito eficaz a derrotar por 2-0 um Angrense muitíssimo perdulário.

Logo a abrir, aos 2 minutos Veredas pelo lado direito do ataque do Lusitânia, junto ao vértice da grande área, remata cruzado para o primeiro golo da partida.

O Lusitânia no primeiro tempo, quanto a oportunidades ficou-se por aqui entregando o jogo ao Angrense que dominou até ao intervalo, dispondo de pelo menos quatro oportunidades de golo desperdiçadas pelos seus jogadores.

No segundo tempo, e logo aos 3 minutos novamente o homem do jogo, Veredas, escapa-se outra vez pelo lado direito do seu ataque e com remate forte à entrada da área faz o segundo golo, na segunda oportunidade do Lusitânia.

O Angrense voltou novamente a pressionar o adversário, nem sempre da melhor forma, dispondo de mais oportunidades, mas decididamente hoje não era o dia dos avançados do Angrense que continuaram como no primeiro tempo a desperdiçar vária oportunidades.

O Lusitânia fez o jogo que lhe convinha, pontuar em casa do Angrense, teve a sorte pelo seu lado de marcar em dois momentos cruciais da partida, e também teve a sorte de Veredas estar bem na finalização ao contrário dos jogadores do Angrense que não conseguiram violar a baliza de David, que fez algumas defesas de bom nível.

No geral vitória justa do Lusitânia que foi eficaz e que teve em Veredas o homem do jogo.

O árbitro Tiago Cerqueira fez uma boa arbitragem, não se deixando influenciar pelas consecutivas quedas dos jogadores, deixando o jogo correr e apitando pouco.

Ficha do Jogo

Arbitro: Tiago Cerqueira

Assistentes: Nuno Soares e Vasco Santos

ANGRENSE: Délcio, João silveira, Flor, Ruben, Nelson, Chico, Vitória, Márcio, Pedro, Magina e Nuno Lima.

Suplentes: Delmindo, Rui, Graxinha, Ivo, Miranda, João Melo e Silveira.

Treinador: João Eduardo Alves.

LUSITÂNIA: David, Ricardo, Celso, Dário, Fábio Vicente, Benjamin, Chris, Alex, Diogo, Picanço e Veredas.

Suplentes: Manuel José, Micael, Zula, Spencer, Cláudio, David Castro e Jorge.

Treinador: Manuel Costa (Chalana).

Maracador: Veredas (2m e 48m)

 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Após a vitória do Lusitânia sobre o Angrense, no derbi da cidade Património Mundial, a frustração que visível nos rostos dos homens da Rua de S. João contrastava com a alegria visível nas gentes da Rua da Sé.

Enquanto para o Angrense, pelo que se passou em campo, com um pouco de inspiração podiam ter conseguido no Municipal de Angra uma vitória folgada, no Lusitânia o dever estava cumprido, tinham pontuado fora de casa e assim levavam os 3 pontos.

Gazeta 3 ouviu os dois técnicos João Eduardo Alves e Manuel Costa (Chalana) no final do encontro.

CHALANA - Soubemos sofrer

Gazeta 3 - A sua equipa foi muito eficaz, duas grandes oportunidades dois golos?

Chalana - Sim, acho que fizemos um jogo muito inteligente perante uma excelente equipa e sabíamos que se déssemos muitos espaços íamos ter muitas dificuldades. O nosso objectivo era entrarmos bem no jogo e tentar marcar primeiro que o nosso adversário, que era muito importante, conseguimos e a partir daí soubemos sofrer, tapar as linhas para a baliza e sempre que tínhamos a bola explorávamos o contra ataque. Ao intervalo pedi aos meus jogadores para tentarmos mais um golo porque assim iríamos arrumar o jogo, foi isso mesmo que aconteceu logo a abrir este segundo tempo, e a partir daí soubemos sofrer frente a um Angrense que é uma grande equipa. A vitória acenta bem na minha equipa devido à entrega ao jogo, à disciplina táctica e ao crer dos meus jogadores.

G3 - Este resultado é um alento para os próximos jogos?

CH - É claro que sim porque as vitórias dão sempre um grande alento, especialmente aqui num campo difícil com o do Angrense e penso que este resultado só nos vai ajudar a crescer.

G3 - Como analisa o trabalho do trio de arbitragem?

CH - Foi um bom trabalho, não houve lances de duvidas e assim sendo estão de parabéns.

JOÃO EDUARDO - Perdemos devido á ineficácia da nossa equipa

Gazeta 3 - A sua equipa teve 5 ou 6 oportunidades de golo e o Lusitânia apenas 2. Foram mais objectivos que o Angrense?

João Eduardo - Sim, foi o que aconteceu, podíamos ter resolvido o jogo e se era injusto o empate, muito mais injusto é a derrota, de qualquer das formas perante uma equipa que veio aqui para não perder e conseguiu ganhar, á que dar os parabéns a ela e tentar melhorar alguns aspectos na nossa.

G3 - O Angrense dominou praticamente todo o jogo mas houve uma ineficácia muito grande dos seus jogadores mais adiantados, em relação aos outros jogos anteriores. As razões para isso?

JE- Deu-se realmente ao facto de termos sofrido o golo muito cedo, o que condicionou muito a nossa estratégia, de qualquer das formas poderíamos perfeitamente ter alterado o rumo, não conseguimos e quando assim é poderíamos estar aqui 24 horas sem conseguir marcar.

G3 - O trabalho da equipa de arbitragem?

JE- Não costumo comentar, mas com os erros que teve não foi por aí que perdemos. Perdemos devido á ineficácia da nossa equipa.

 Fonte - Gazeta3

 

Empate Sem Sabor!

A repartição de pontos geralmente não é do agrado de nenhuma das equipas envolvidas numa partida de futebol e o empate a um golo verificado no final do jogo que opôs o Madalena ao Angrense não agrada a nenhuma das formações, embora sirva mais os forasteiros apenas e tão só por terem jogado fora de casa.

Duas das quatro equipas que repartiam o primeiro lugar no campeonato da série Açores não conseguiram somar a vitória, batendo o azar à porta do Madalena que viu os ferros da baliza de Délcio travarem três remates. Do outro lado, os angrenses podem queixar-se de uma grande penalidade de Igor sobre Pedro que o árbitro André Almeida não assinalou.

A formação de Angra do Heroísmo foi a primeira a marcar, aos 20 minutos, por intermédio de Márcio, que aproveitou alguma apatia dos centrais locais para inaugurar o marcador. O Madalena reagiu e empatou à beira do intervalo, ao minuto 44, por Hélder Monteiro.

Resultados Fim-de-Semana

Resultados:

Resultados de 26 Setembro   

Infantis

Angrense B 10 - Biscoitos 0 Golos - Ferreira (4), Varela (3), Toni (2) e Amauri
Praiense 1 - Angrense 8 Golos - Simão (4), Ruben M. (3) e Marquinho

Juvenis

Praiense 2  - Angrense 3 (Não podemos apurar os Golos)
                                                           

Juniores

Praiense 1 - Angrese 2 Golos - Chinês (2)                                                             

 
Resultados de 27 Setembro
 
 

Escolinhas 

Angrense B 7 - Lusitânia 0 Golos - Vasco Bartolomeu (2) Tomás (2) Gustavo, Vasquinho e Miguel.

M. S.Mateus 0 - Angrense A 10 (Não podemos apurar os Golos)                                                        

Juniores C 

Lusitânia 3 - Angrense 3  Golos - Dario, Palhu e Erico

Seniores

Madalena 1 - Angrense 1 Golos - Márcio

Goleada para a Liderança

 

 Crónica:

 

O Angrense reagiu da melhor forma à derrota sofrida em Água de Pau e quem sofreu na pele foi o União Micaelense. Os unionistas entraram líderes para a terceira jornada mas saíram goleados de Angra do Heroísmo, vergados ao poderio do novo primeiro classificado do campeonato.

A equipa de João Eduardo Alves entrou forte na partida e logo nos primeiros cinco minutos dispôs de duas boas oportunidades para marcar. Mas não foi preciso esperar muito para ver os angrenses facturar. Aos 18 minutos, Pedro, na sequência de um livre, apareceu a desviar para o fundo das redes. Pouco depois da meia-hora, uma bomba de Vitória, igualmente de livre, elevou a contagem.

A ganhar e a jogar bem, a turma da casa sentenciou o resultado ainda antes do intervalo. Magina, aos 42, e Márcio, aos 45, colocaram o marcador nos 4-0. Estava praticamente tudo resolvido mas no decorrer da etapa complementar o Angrense fomentou o hábito pelo golo e marcou por mais duas vezes.

Foi já nos minutos finais que os terceirenses deram maior expressão ao futebol de ataque, com Ivo a fazer o 5-0 quando estavam decorridos 77 minutos e Márcio bisou aos 80.

 

 

Resultados Fim-de-Semana

Resultados:

Resultados de 26 Setembro   

Infantis

Angrense B 1 -Angrense A 7 ---» Angrense ''A'' vence o torneio de preparação Golos - Simão (2), Pedro Silva (2), Marquinho (2) e Ruben Moisés. 
                                                          

Juvenis

Leões 1 - Angrense 8 (Não podemos apurar os Golos)
                                                           

Juniores

Angrense 7 - Leões 1 Golos - Chinês (6) e Genny
                                                            

Seniores

Angrense 6- U.Micaelense 0 Golos - Márcio (2), Pedro, Vitória, Magina e Ivo

 
Resultados de 27 Setembro
 
 

Escolinhas 

Angrense A 18 - Boavista da Ribeirinha 0 Golos - Tiago (6), Francisco e Veiga - 1º Parte. Na segunda parte não temos informações.
Leões 4 - Angrense B 4 Golos - Vasco (2), Miguel Cunha e Ricardo Rocha
                                                          

Juniores C 

Praiense 0 - Angrense 2 ------» Angrense vence o torneio de preparação, Golos - Dário e Victor Hugo

Angrense perde em Água do Pau.

 

 

O InfoDesporto acompanhou o Angrense na sua deslocação ao campo do Santiago na Ilha de São Miguel. Desde já deixamos o nosso agradecimento pela colaboração do Angrense, tendo em vista termos solicitado a equipa de Angra que nos fornecesse transporte de Ponta Delgada até Água de Pau, transporte esse que nos foi prontamente fornecido.

O Sport Clube Angrense foi derrotado na tarde do passado Domingo em casa do Santiago Futebol Clube por 2 bolas a 1. O Angrense entrou bem no jogo, e logo na segunda oportunidade do jogo inaugurou o marcador, e a partir dai, deixou descair o seu rendimento, facto este que foi aproveitado pelo Santiago para praticar o seu futebol. Na segunda parte sim foi o Angrense que todos nos conhecemos, um Angrense a praticar um futebol muito bonito e a criar muitas oportunidades de golo. Por ironia do destino o Angrense foi derrotado já no tempo de compensação, num lance muitíssimo polémico.

Aqui ficam as incidências da partida:

O Angrense criou a sua primeira grande oportunidade de golo logo aos 9 minutos, com João Melo a sofrer falta perto da área do Santiago, e Vitória a encarregar-se da marcação e a fazer o esférico embater na trave da baliza de Gualter, fica-nos a sensação que Gualter ainda consegue desviar a bola para a trave. Passado um minuto o Angrense volta a beneficiar de mais um livre perto da área do Santiago e foi o mesmo Vitória a bater e desta vez não perdoou e inaugurou o marcador. Estava feito o primeiro golo da partida.

 

Ao minuto 18, a equipa Micaelense, consegue realizar uma boa troca de bola no meio campo do Angrense, e quando entra na área do Angrense a defesa Terceirense complica e teve que ser o defesa central Fábio Flor a aliviar a bola para longe da sua área. Volvidos 4 minutos, Manu consegue chegar á linha de fundo com a bola controlada e cruza de pronto para a área de Délcio, onde aparece Lélé a rematar para Délcio brilhar. Aos 25 minutos Ivo consegue passar por Nelson e mete a bola na área para Nelson Faria cabecear fraco e a figura do Guardião do Angrense.

Aos 29 minutos Lélé tem uma jogada de génio e á entrada da área do Angrense remata mas aparece Fábio Flor a dar o corpo á bola, com a mesma voltar para os pés de Lélé que de pronto volta a rematar e Fábio Flor volta a dar o corpo ao manifesto, com esta a acabar nas mãos de Délcio.

Ao 34 minuto de jogo a frente de ataque do Angrense efectua uma das raras grandes jogadas desta primeira parte, com Magina a executar um lançamento e a jogar para João Melo, que de primeira passa para Márcio que também de primeira passa para Vitória que acaba por rematar por cima da baliza a guarda de Gualter.

Aos 39 minutos o Santiago beneficia de um pontapé de canto, Ivo a bater para a área do Angrense, por ironia do destino, a bola bate no peito de Márcio e entra na baliza de Délcio. Estava feito o merecido golo do Santiago que assim reponha justiça no marcador. A equipa do Santiago ficou moralizada com o golo e passados 4 minutos Ludjero tem uma grande jogada e assiste Manu que remata mal, fazendo a bola passar muito por cima da baliza do Angrense.

Ao 45 minuto Magina recebe a bola no peito e tenta picar a bola por cima de Manu, Magina só não consegue fazer a bola passar por cima de Manu porque o mesmo utilizou o braço para impedir que a mesma passasse. A conversa de João Eduardo com os seus jogadores fez-lhes bem e o Angrense entrou com outra disposição para esta segunda parte e logo no primeiro minuto do segundo tempo Marcio consegue isolar-se mas Gualter antecipa-se e consegue aliviar a bola. Ao minuto 50 Vitória remata do meio campo e quase consegue surpreender Gualter.

Aos 52 minutos Lélé bate um pontapé de canto e Tiago Silva aparece sozinho a cabecear mas felizmente para o Angrense a bola foi ao lado. Passados 4 minutos Márcio cruza e Miranda na cara de Gualter não acerta na bola. Volvidos 2 minutos João Melo inicia uma grande jogada, passa para Miranda que de primeira assiste Márcio que fica isolado e remata mas Gualter responde com uma grande intervenção.

Aos 63 minutos Morais recebe a bola no peito João Silveira antecipa-se e sobre falta, falta esta que o arbitro não vê e Morais fica isolado acabando por rematar ao lado. No minuto seguinte Márcio leva a bola á linha de fundo e cruza para Miranda que fica a isolado, rematando de pronto para mais uma grande defesa de Gualter. Ao minuto 70 canto para o Angrense, com Silveira a jogar curto com Zé Isidro que devolve a Silveira que remate de perto da bandeirola de canto e Gualter responde com mais uma grande defesa. No minuto seguinte Silveira cruza para Miranda que remata e a bola embate no poste da baliza do Santiago.

Ao minuto 85 excelente jogada entre Silveira e Ruizinho, com este a levar a bola até á linha de fundo e a cruzar para o recem entrado Nuno Lima desviar a bola mais uma vez para o poste.

Aos 93 minutos acontece o momento da partida com Ivo a ganhar posição sobre Fábio Flor e a ficar isolado mas o central do Angrense consegue recuperar a sua posição e do nada Ivo envia-se para o chão, o Arbitro e o seu assistente do lado da bancada ficam a olhar um para o outro e quando se lembraram que isto era um jogo assinalaram falta do defesa Angrense. Fábio Flor foi de imediato expulso e na sequencia do livre, Chico fez o golo da vitória do Santiago.

Os homens da Ilha Verde, ainda criaram mais uma oportunidade de golo, com Lélé a cruzar e Morais na cara de Délcio a falhar. E assim terminou este encontrou com uma vitória do Santiago por 2 bolas a 1.

Três notas finais sobre o desenrolar e final desta partida:

1 – A equipa de arbitragem efectuou um péssimo trabalho. Os jogadores do Santiago levaram o jogo inteiro a embater com os seus cotovelos nos jogadores do Angrense. Quando era necessário assinalar falta o arbitro na maioria das vezes não assinalava. Por isso um numero tão baixo de faltas. E depois o momento que estragou o jogo, o lance do segundo golo do Santiago. A falta de facto existe mas quem a fez foi Ivo, este erro custou no mínimo 1 ponto ao Sport Clube Angrense irá valer no mínimo 2 jogos de castigo ao jovem Fábio Flor.

2 – No final do jogo os ânimos estavam um pouco exaltados devido ao erro da equipa de arbitragem. E do nada surgiu o Treinador – Adjunto do Santiago a insultar os jogadores do Angrense, acto este que incentivou alguns dos seus atletas a quererem partir para a violência física sobre os jogadores do Angrense. Para o cargo que este Senhor ocupa, estes actos não lhe ficam nada bem Senhor Treinador – Adjunto, e o Senhor não deve fazer aos outros o que certamente não quererá que um dia façam aos seus atletas.

3 – O Publico afecto ao Santiago também teve um comportamento que deixou muito a desejar. Nas bancadas do estádio do Santiago estavam algumas Senhoras afectas á equipa do Angrense, Senhoras estas que nunca abriram a boca para os adeptos do Santiago, mas estes levaram toda a segunda parte a insultar as “adeptas” do Angrense. O acto do Treinador – Adjunto do Santiago também incentivou o publico da casa a querer violência e enquanto os jogadores do Angrense se dirigiam para o balneário, forma insultados de todas as formas possíveis e foram arremessados alguns pequenos objectos em direcção aos mesmos. Situação esta que já havia acontecido a quando do segundo golo do Santiago. E os homens de João Eduardo Alves ainda foram ameaçados de que teriam os “adeptos” do Santiago a sua espera á saída do Estádio e o mais espantoso foi não se ver nenhum responsável do Santiago a tentar acalmar os ânimos.

Constituição das equipas:

Equipa de arbitragem:

Árbitro: Bruno Costa
Árbitro Assistente Bancada: José Costa
Árbitro Assistente Peão: João Henriques

Santiago Futebol Clube
1 – Gualter
3 – Bruno Sousa
6 – Manu
7 – Lélé
10 – Ludjero © (8Chico 75m)
11 – Ivo (19Morais 62m)
14 – João Mota (Cartão amarelo 17m)
15 – Paulo
20 – Tiago Silva
22 – Valério
23 – Nelson Faria (21Tozé 68m)

Suplentes não utilizados:
86 – Gustavo
4 – Rebelo
5 – Steven
9 – Arruda

Treinador: Duarte Borges

Sport Clube Angrense
23 – Délcio
2 – Fábio Flor (Cartão vermelho 93m)
9 – Magina (19 Nuno Lima 81m)
10 – Vitória ©
16 – Zé Isidro
17 – Ruben
20 – João Melo (11 Silveira 60m)
21 – Márcio
22 – Nelson (7 Ruizinho 72m)
25 – João Silveira (Cartão amarelo 78m)
27 – Miranda

Suplentes não utilizados:
1 – João do Couto
30 – Graxinha

Treinador: João Eduardo Alves

Texto retirado daqui

Resultados de Domigo

 Resultados:

Escolinhas   

Angrense B 12 - Vilanovense 0
                         

Fontinhas  0 -     Angrense A 12


Iniciados  

Angrense 3  - J. Lagense 0  

Golos: Victor Hugo; Jorge Silveira; Rodrigo Fonte.


Seniores

Santiago 2 - Angrense 1 Golos - Vitória 

Resultados de Sábado

Resultados:

Infantis

Angrense  A  8 - Ac.Biscoitos  0  
Golos - Marco 4; Pedro Silva 1; Simão 2; Ruben 1
 
 
Praiense    1 - Angrense B 1           
Golos- Fábio Roque
 
Juvenis

Angrense 7 - Lagense 0     
Golos - Diogo Pereira 2; Nestum 2; Julio 1; Auto-Golo 1; Miguel Ficher 1


 
 

 

Continuar a formar com (evidente) qualidade

 

14.09.09 / Mantendo a política vigente no clube, os rubros da rua de São João reforçam cada vez mais a aposta nos seus escalões de formação, procurando, acima de tudo, formar com qualidade nos mais diversos domínios, isto, claro, para que o plantel sénior continue a ser preenchido por jogadores da terra, em quantidade e qualidade, formados no clube.

Desta forma, segundo o coordenador técnico, Joaquim Silva (Quim), "o Sport Clube Angrense vai continuar a formar dentro de um ambiente desportivo positivo, onde as crianças têm a oportunidade para fazer novas amizades, aprender novas técnicas e desenvolver novos interesses".

Ainda segundo o responsável encarnado, "a nossa formação inicia-se pela base, onde os atletas passam por um processo de formação coerente, com uma progressão da aprendizagem distribuída por diferentes etapas, com objectivos, estratégias e conteúdos adequados às diferentes fases de desenvolvimento".

A finalizar, sublinha que "o nosso programa desportivo para crianças, seja ao nível competitivo ou de recreação, foca essencialmente a aprendizagem e o divertimento, para depois integrar o espírito competitivo e providenciar uma boa experiência desportiva para toda a vida. A nossa preocupação está sempre no processo e não no resultado".

Relativamente aos escalões de formação, esta época o clube continua a competir com sete equipas (uma de juniores "A", uma de juniores "B", uma de juniores "C", duas de juniores "D" e duas de juniores "E"), trabalhando ainda com 60 atletas com idades inferiores aos oito anos (duas equipas de promoção).

Os juniores "A","B" e "C" iniciaram a sua actividade a 17/Agosto/2009, enquanto os juniores "D" e "E" deram o pontapé de saída a 01/Setembro/2009.

Relativamente ao escalão de iniciação, o arranque está agendado para 17/Setembro/2009. Lino Inocêncio e Manuel Maria são os técnicos responsáveis pela iniciação.

INFRA-ESTRUTURAS E EQUIPAMENTOS

O Municipal de Angra do Heroísmo, quartel-general do clube, tem ao serviço da formação um gabinete técnico, apetrechado com telefone, fax, fotocopiadora, material informático (computador e impressora) e um software desportivo "Treinadores de futebol - Futcontrol".

O grémio da cidade açoriana Património Mundial disponibiliza para o transporte dos seus atletas uma carrinha de 19 lugares e três de nove lugares. Tem ainda uma lavandaria, equipada com máquinas industriais e diverso material desportivo (equipamentos de treinos e jogos, bolas, coletes, mecos, etc.), e um departamento médico para dar apoio aos treinos e jogos.

FORMAÇÃO HORÁRIOS DE TREINO

 

 

HORAS

 

SEGUNDA

 

TERÇA

 

QUARTA

 

QUINTA

 

SEXTA

 

HORAS

 

 

17H00

 

INICIAÇÃO

 

INFANTIS A/B

 

 

 

ESCOLAS A/B

 

 

 

INFANTIS A/B

 

INICIAÇÃO

 

INFANTIS A/B

 

 

 

 

ESCOLAS A/B

 

 

17H00

 

 

18H00

 

 

JUVENIS

 

 

INICIADOS

 

JUVENIS

 

 

ESCOLAS A/B

 

 

JUVENIS

 

 

INICIADOS

 

 

 

18H00

 

 

19H00

 

 

JUNIORES

 

 

 

JUNIORES

 

 

INICIADOS

 

JUNIORES

 

 

 

JUNIORES

 

 

 

 

 

 

 

19H00

 

 

 

 

 

 

 

 


ÉPOCA 2009/2010

Organigrama Formação Desportiva

 

Vice-Presidente

Miguel Correia Bendito

Direct. de Apoio

João Barcelos + David Leonardo

Coordenador

Joaquim Jesus Rodrigues Silva

 

Escalão

Juniores

Juniores " A "

Nascidos 1991 e 1992 (17 e 18 anos)

Técnico

Lino Inocêncio - Nível II

Dirigente

Alberto Oliveira

Dirigente

Manuel Simão + Adriano Fonseca

 

Escalão

Juvenis

Juniores " B "

Nascidos 1993 e 1994 (15 e 16 anos)

Técnico

João Aguiar - Nível II

Dirigente

João Miguel Freitas

Dirigente

Duarte Teles

 

Escalão

Iniciados

Juniores " C "

Nascidos 1995 e 1996 (13 e 14 anos)

Técnico

Joaquim Silva - Nível II

Dirigente

António Baião

Dirigente

Artur Cação

 

Escalão

Infantis

Juniores " D "

Nascidos 1997 e 1998 (11 e 12 anos)

Técnico Eq.A

Miguel Gonçalves - Nível I

Dirigente

Francisco Fonte + Bruno Pacheco

 

Dirigente

Francisco Fonte + Bruno Pacheco

Técnico Eq B

Ricardo Dias - Nível I

Dirigente

José Feliciano Cota + Fernando Roque

 

Escalão

Escolas

Juniores " E "

Nascidos 1999,2000 e 2001 (8,9 e 10 anos)

Técnico Eq A

Aristides Martins - Nível I

Dirigente

Augusto Ferreira + Paulo Henrique Alves

Técnico Eq B

Benjamim Ávila - Nível I

Dirigente

Francisco Fonte + Anselmo Barcelos

Treinador GR. Redes

Clemente Dinis

 

Massagistas

Fernando Freitas/Vasco Brasil/Tiago Costa

 

Director de Equipamentos

Francisco José

 

Condutor

Humberto Romeiro

 

Fonte: Diário Insular / Daniel Cota

Foto FOTAÇOR

 

 

 

Entrevista com Carla Fonseca, treinadora do SC Angrense

 

O InfoDesporto foi ao encontro de Carla Fonseca, a jovem treinadora/jogadora do Sport Clube Angrense.

InfoDesporto: Como está a encarar esta nova época?
Carla Fonseca:
Estou a encarar esta nova época de uma forma muito positiva, mas sempre consciente das nossas limitações técnicas e individuais.

ID: Quais são as suas expectativas para a nova época?
C.F.:
As minhas expectativas são as melhores, vamos trabalhar para fazer o melhor possível. O 3º Lugar no campeonato será excelente.

ID: Que nos pode dizer sobre a estruturação do seu plantel para esta nova época?
C.F.:
Temos um plantel muito curto, estamos a trabalhar todas juntas para podermos evoluir individualmente e como equipa. Temos um número muito limitado de jogadoras.

ID: E o que nos pode dizer sobre o seu plantel?
C.F.:
Ficamos ainda mais unidas que na ultima época. Vamos trabalhar para que todos acreditem e gostem do nosso projecto e o espírito de grupo mantém-se.

ID: Com o plantel de que dispõe que garantias pode dar aos seus associados?
C.F.:
Acima de tudo dignificar esta grande instituição que é o Sport Clube Angrense. Não iremos andar a brincar, e treino a treino, jogo a jogo iremos dar sempre o máximo.
Aqui tivemos a treinadora/jogadora do Sport Clube Angrense, que está consciente das limitações da sua equipa e do árduo trabalho que a espera.

 

Angrense prevenido!

O departamento clínico do Sport Clube Angrense acaba de colocar em prática um Plano de Contingência para combater a Gripe A (H1N1), o qual abrange toda a actividade desportiva da colectividade.
Para além da execução de algumas medidas básicas de prevenção (como, por exemplo, desinfectar as mãos antes e depois dos treinos e jogos), o clube elaborou um documento que foi distribuído a todos os atletas, treinadores e dirigentes, no qual consta a informação considerada essencial para combater o vírus H1N1.
O que é, de facto, o H1N1, sintomas do vírus, disseminação/formas de contágio/períodos de incubação/transmissibilidade, formas de evitar o contágio e a sua propagação no contexto do cidadão comum, formas de evitar o contágio na função específica de cada elemento na orgânica do clube, medidas a aplicar no campo e estruturas adjacentes, o que fazer quando há suspeita de infecção e alimentação em tempo de gripe são os itens do documento, o qual é acompanhado por diversos anexos informativos.

("Diário Insular" de 09/09/2009)

 

Pequenos com fome de bola!

Os treinos da Iniciação começaram no dia 17 de Setembro pelas 17 horas.

Os pequenos miúdos de idades cerca dos 5 aos 7 anos, já estão cada vez mais ansiosos pelo início dos treinos.

Se tens menos de 8 anos vem ao Campo Municipal de Angra vem pelas 15 horas ás segundas e quintas divertir-te, disfrutar, fazer novas amizades e quem sabe tornaras-te o novo Ronaldo.

Apelo aos Pais: Tragam vossos filhos para se divertirem-se um pouco e conhecerem novos amigos.

Responsáveis pelo escalão: Lino Inocência e Manuel Maria.

Cumps, Orangotango

Calendários já definidos...

Os calendários dos diferentes escalões já estão definidos.

O calendário dos Iniciados encontra-se na página referente ao assunto.

Os restantes escalãos será divulgada as primeiras jornadas:

Os Juniores folgam referente ao torneio de abertura, estando no grupo do Praiense e dos Leões que se defrontaram no dia 19 de Setembro no campo dos Leões.

Os Juvenis defrontaram para o Torneio de Preparação os Juventude Lajense pelas 13 horas no Campo Municipal de Angra, no sábado.

Os Iniciados também como os Juvenis recebem o Lajense só que pelas 11 horas no dia 20 de Setembro.

Os Infantis (Torneio de abertura):

Angrense A - Biscoitos

Praiense - Angrense B

Os escolas já para o campeonato defrontam as seguintes equipas:

Angrense B - Vilanovense

Fontinhas - Angrense A

Cumps, Orangotango

 

Já se defrontaram-se por 2 vezes!

Jogos de Angrenses [Juniores e Juvenis]:

Angrense (Juniores) 4 - Angrense (Juvenis) 1

Angrense (Juniores) 3 - Angrense (Juvenis) 3

Angrense já é lider!

Realizou-se neste fim-de-semana a primeira jornada da Série Açores com o Angrense a ser a única equipa terceirense a venceu.

No Municipal de Angra o Angrense recebeu e venceu, no sábado, o Flamengos por 3-0, com golos Márcio (2) e Miranda.

 

Série Açores - Resultados

 

1º Jornada - 5 e 6 de Setembro de 2009

Angrense - Flamengos     3-0
Capelense - Santiago         3-0
Barreiro - Micaelense       1-3
Rabo Peixe - Madalena      2-0
Boavista -  Lusitânia         2-0

Cumps,

 

Serie Açores á porta!

31.08.09 

Arranca no próximo fim-de-semana o Campeonato Nacional da Terceira Divisão - Série Açores. Sábado à tarde, a partir das 17:00, no municipal da cidade açoriana Património Mundial, o Angrense recebe o Flamengos.

Para domingo, às 15:00, salvo alguma alteração de última hora, estão agendados os restantes quatro encontros:

Rabo de Peixe - Madalena,

Boavista do Pico - Lusitânia,

Capelense - Santiago  

Barreiro - União Micaelense

in: Diário Insular

Cumps, Pig Mix

 

Angrense eliminado da Taça.

O Angrense sofreu uma pesada derrota na sua deslocação a Arouca, onde perdeu com a equipa local por 5 golos sem resposta (3-0 ao intervalo), ficando assim afastado da Taça de Portugal.

O técnico João Eduardo Alves iniciou o jogo com a seguinte equipa:

Angrense - Delmindo, João Silveira, Fábio, Ruben, Nelson, João Melo, Vitória, José Isidro, Márcio, Magina e Miranda.

Suplentes: Délcio, Zézinho, Rui, Flávio, Siloveira e Nuno Lima.

Marcou: Rui Dolores, Helder Silva (3) e Jorge Leitão.

Substituições: Sairam João Melo, Magina e Miranda e entraram Rui, Silveira e Nuno Lima.

Cumps, Roaf

Equipa a caminho de Arouca...

O Sport Clube Angrense partiu esta noite para Lisboa para em Arouca (perto de Viseu), disputar no próximo domingo, pelas 15 horas (dos Açores), no Municipal de Arouca, a 1ª eliminatória da Taça de Portugal, com o Arouca que milita na 2ª Divisão Nacional.

João Eduardo convocou os seguintes 17 jogadores:

Delmindo Meneses, Ruben Azevedo, Márcio Fagundes, José Silveira, Vitória, Nuno Lima, José Evangelho, João Silveira, Fábio Flor, Magina, Rui Silveira, Flávio Gomes, João Melo, Carlos Silveira, Délcio, Miranda e Nelson Gomes.

Foi efectuado um treino antes da partida para Arouca.

Chefia a comitiva o presidente Avelino Luis, que se faz acompanhar pelo director Paulo Silveira , pelo treinador João Eduardo Alves e pelo massagista Vasco Brasil.

Avelino Luis comentou sobre esta eliminatória.

Avelino Luis - presidente do Angrense

A equipa da Angrense está bem e nós vamos para Arouca com o sentido de vitória. Pela pré-época que fizemos temos todas as condições para passarmos á fase seguinte. Esta equipa vai evoluir ainda mais de certeza absoluta e como é um grupo que já vem á alguns anos todos juntos, já se notam alguns automatismos interessantes mesmo ainda antes de começar o campeonato.

O João do Couto vai jogar no Angrense?

Ele acabou de chegar, vamos conversar com o Benfica sobre a sua desvinculação e penso que não vai haver problemas. Se tudo correr bem será o nosso terceiro guarda-redes nos seniores e vai alternando a jogar nos juniores.

Texto: Gazeta3 e Edit by Roaf

Cumps, Roaf

 

Angrense vence em apresentação.

O Sport Clube Angrense, que vai jogar na 3ª Divisão Nacional Série Açores, apresentou oficialmente hoje a sua equipa de futebol, no "velhinho" Municipal de Angra, em jogo com o Praiense, da 2º Divisão.

O Angrense venceu por 1-0, com um golo resultante de uma jogada muito confusa em que não descortinamos o seu autor. Segundo um dirigente do Angrense foi um autogolo.

Cumps, Simon5

Mais uma...

No dia de hoje o Angrense venceu por 4-1 ao Boavista da Ribeirinha.

A ficha do jogo está (indisponivel).

Cumps, Baião

 

Angrense vence!

Hoje no final da tarde o Angrense defrontou o Vilanovense vencendo por 3-1.

Amanha serão publicas as fichas de jogo do Angrense-Vilanovense e do jogo que ocorrerá amanha contra o Boavista da Ribeirinha.

Cumps, Joni

Futebol de 11 de volta

Os vários escalões de de futebol de 11 da formação do Sport Clube Angrense já trabalham no Municipal de Angra.

As equipas da formação do Angrense de futebol 11, todas trabalham para a conquista do campeonato da ilha Terceira e de outras provas.

Cumps, Simon5

Equipa pouco finalizadora (Seniores)

No dia de hoje a equipa da Rua de S.João defrontou o Clube Desportivo Belem, que está nos Distritais.

O Angrense hoje com uma exibição razoável, com muitas opurtunidades principalmente na segunda parte. O Angrense conseguiu estar a vencer ao intervalo por duas bolas sem resposta. Na segunda parte a equipa falhou na finalização tendo só converter por uma vez o golo. Acabando por vencer só por três bolas. O resultado nao expressa o que o Angrense fez em campo.

Ficha de Jogo

Sport Clube Angrense 3 - 0 Clube Desportivo Belém

Jogo de Preparação

Data: 16/08/2009.
Hora: 11:00.
Local: Campo Municipal, Angra.

Equipa:

1ª Parte

GR- Delcio
DD- Ruben Goulart (Flávio - 42 min)
DC- Zézinho
DC- Flor (Ivan - 45+1 min)
DE- Nelson
MD- Ruizinho
MC- José Isidro (Chico - 43 min)
MC- Álvaro
ME- Pedrinho
AV- Ivo
PL- Nuno Lima (Miranda - 35min)

2ª Parte

GR- Delmindo
DD- Joãozinho
DC- Zezinho
DC- Ivan
DE- Gonçalo
MD- Flávio (Graxinha - 63 min)
MC- Chico
MC- Vitória
ME- Márcio
AV- João Melo
PL- Magina

Melhores Momentos:

1ª Parte: 

5 min - Cabeceamento por cima da barra por parte do Belem.

12 min - Pedrinho remata fraco para as mãos do guardião do Belem.

19 min - Golaço de Alvaro, remata a 30 metros sem qualquer chance de defesa.

33 min - Remate viotentíssimo de Zezinho.

40 min - Bom trabalho de Ivo, seguido de remate fraco.

44 min - Miranda remata por cima da barra.

45+1 min - Auto - Golo, Angrense vai para intervalo a vencer por duas bolas a zero.

2ª Parte:

54 min - Vitória de livre, remate fraco.

57 min - Flávio remata para uma boa defesa do guardião azul e branco.

66 min - Magina com um pontapé de bicicleta cria perigo.

67 min - Chico de cabeça quase fazia o golo.

68 min - Remate de Vitória, mas o guarda-redes do Belem defende para canto.

69 min - Magina seguido de um canto, remata e o guardião azul e branco responde com uma boa defesa.

79 min - Já está lá dentro! Isolado João Melo faz o Golo.

87 min - João Melo isolado remata contra o Guarda-Redes.

88 min - Isolado Márcio remata para intervencão do guardião afastando para canto.

90 min - Vitória bate o canto e Márcio aparece ao 2º poste a cabecear por cima da barra.

90+2 min - Arbitro apita. Angrense vence por três zero.

Cumps, Roaf

 

 

 

 

Jogos de Preparação (Seniores)

O Angrense irá realizar vários jogos de preparação. Neste momento tem agendados mais 4 jogos:

Angrense - Belem ás 11:00h Domingo (16/08/09)

Angrense - Vilanovense ás 19:00h Quarta (19/08/09)

Angrense - Boavista da Ribeirinha ás 19:00h Quinta (20/08/09)

Angrense - Praiense ás 17:00h Domingo (23/08/09) Jogo de Apresentação

Entradas grátis, vem apoiar o teu clube!

Cumps, Roaf

 

Chico á experiência... (Seniores)

O defesa/médio Chico, que iniciou a pré-época com o Sport Clube Praiense, irá, em fase experimental, trabalhar com o Angrense, ainda que com boas probabilidades de integrar o plantel definitivo.

O atleta, que na época passada jogou pelo FC Madalena, é considerado uma opção bastante segura para o meio campo defensivo do clube de Angra.

Cumps, Roaf

 

Miranda chegou e marcou! (Seniores)

O Sport Clube Angrense derrotou o Sport Clube Barreiro no jogo-treino que se realizou na tarde de ontem no campo do S.C. Barreiro, no Porto Judeu.

O clube de Angra venceu o jogo por 2-0, com golos de Miranda e Vitória.

Cumps, Roaf

Serie Açores e Taça de Portugal á porta! (Seniores)

O Angrense recebe os Flamengos na primeira jornada do Campeonato Nacional das III Divisão - Série Açores, a disputar a 06 de Setembro, no Campo Municipal de Angra do Heroísmo.

Na quinta jornada, a realizar a 10 de Outubro, o Angrense recebe o Lusitânia, enquanto que na sétima jornada, marcada para 01 de Novembro, joga com o Barreiro no Campo Municipal de Angra do Heroísmo.

Com as alterações regulamentares aprovadas na última Assemblei-geral da Federação Portuguesa de Futebol, os quatro primeiros classificados da primeira fase disputam o título de campeão da Série Açores e os restantes seis integram o grupo da despromoção.

O Angrense vai defrontar o Arouca da II Divisão Nacional na primeira eliminatória da Taça de Portugal.

O jogo terá lugar a 30 de Agosto no Estádio Municipal da vila de Arouca.

O Arouca foi 7º classificado do Campeonato Nacional da II Divisão - Série B na época passada, estando integrado na II Divisão Série Centro na presente época desportiva.

Recorde-se que na época passada o Angrense foi eliminado da Taça de Portugal na terceira eliminatória pelo Nacional da Madeira, equipa que alcançou o 4º lugar da I Liga Profissional.

A Supertaça da Ilha Terceira realizará se no dia 23 de Agosto no Estádio João Paulo II, contra o vencedor do Campeonato da AFAH do ano passado, o Barreiro.

Cumps, Roaf

Angrense regressa ao trabalho (Seniores)

''O Angrense regressou hoje ao trabalho tendo em vista a preparação para a época desportiva de 2009/2010.

Com um plantel constituído por cerca de 90 por cento de jogadores que transitam de época anteriores, o Angrense tem como principal objectivo estar entre os quatro clubes que vão disputar o título de campeão da Série Açores na época de 2009/2010.

O plantel foi reforçado com dois jogadores, João Melo (ex-Lusitânia) e Miranda (ex-Praiense), enquanto que os juniores do clube, Ivan, Miguel Ãngelo, Alvaro Silveira e Ruben Goulart vão trabalhar com a equipa principal do Angrense.

Durante a apresentação do plantel, o presidente do Angrense, Luís Avelino Gonçalves, destacou o facto de o clube continuar a apostar num plantel constituído apenas por jogadores açorianos, opção que segundo referiu "está a ser seguida cada vez mais por outras equipas que disputam a III Divisão-Série Açores".

Cumps, Admin Roaf

Texto retirado do Site Oficial. Editado.

Simão Carvalho e João Santos no Angrense (Infantis)

Os ex atletas do Barreiro Simão Carvalho e João Santos jogadores de selecção foram contratados para integrarem a equipa ''A'' dos Infantis.

Cumps, Roaf

Alexandrinho renova... (Infantis)

O atleta desta casa Alexandre Silva de apenas 12 anos, mais conhecido por Alexandrinho hoje pôs o preto no branco.

Alexandre hoje pelas 20 horas do dia 23 de Julho fez a ultima assinatura do seu contrato, tirando a concorrência de rastos (Sport Club Lusitânia) que tentou ''roubar'' este atleta de renome.

O Lusitânia está atrás de alguns atletas da ilha principalmente do Angrense, mas não está a sair muito bem, neste momento só deve ter conseguido ''roubar'' um jogador a esta instituição, jogador que nem de perto tinha a titularidade.

O Sport Club Lusitânia ''levou com a porta na cara'' de vários atletas entre eles Simão Freitas, Pedro Rocha, Luís Ornelas, Dário Simão, Victor Hugo, Tiago Lima e muitos mais.

Não me vou prolongar mais em breve teremos mais informações.

Cumps, Roaf

Angrense Geral

Neste sub-página iremos vos informar de algumas coisas sobre o Angrense, mas referente a outros escalões sem ser os Iniciados.

Cumps, Roaf